sábado, julho 13, 2024

Netapp aumenta o uso de energia renovável em 113%

Compartilhar

A NetApp, empresa de infraestrutura de dados inteligente, lançou seu Relatório ESG 2023, apresentando importantes resultados e a criação de ferramentas para auxiliar seus clientes a fazerem o mesmo.

Neste grande desafio, que incentiva empresas e tomadores de decisão a buscarem diversas medidas de sustentabilidade, confiança e inclusão, a NetApp se mostra engajada com o futuro do planeta e permanece focada em seu compromisso. Em 2023, sua inovação e evolução ESG ajudaram seus clientes, parceiros, acionistas e funcionários a alcançarem um desenvolvimento sustentável.

Em sua quarta edição, o relatório anual de ESG mostra uma estratégia impulsionada por dados e construída a partir da certeza de que a tecnologia pode influenciar mudanças positivas. “À medida que ampliamos nossa sinergia com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, sabemos que a tecnologia é vital para a criação de um mundo mais sustentável, inclusivo e conectado”, diz Beth O’Callahan, diretora jurídica da NetApp.

Destaques do relatório ESG de 2023 da NetApp

A sustentabilidade no data center continua a ser uma das adversidades mais complexas do mercado, e a NetApp continua encarando de frente esse desafio. Enquanto a quantidade de dados cresce exponencialmente, a procura pela sua retenção e utilização também aumenta – e manter estes dados disponíveis pode ampliar o consumo de energia. Assim, os clientes buscam na NetApp soluções para gerenciar seus dados com eficiência e segurança. Foi nesse contexto que a empresa lançou, no início de 2023, o NetApp® BlueXP™, um painel que oferece insights em tempo real sobre a sustentabilidade da organização, recomendando melhorias para atingir suas metas e minimizar a pegada de carbono dos sistemas de TI.

A NetApp é reconhecida no mercado como uma empresa verde, firme em seu caminho para alcançar seus objetivos ambientais. Baseada em dados, ela trabalha continuamente para melhorar a eficiência energética, reduzir sua dependência de fontes de energia com utilização intensiva de carbono e conservar recursos nas comunidades onde seus colaboradores vivem e trabalham. Também aumentamos o uso de energia renovável em nossas operações em 113% em relação à nossa linha de base. Além disso, acabamos de receber uma medalha de ouro da EcoVadis, a principal agência de classificação ESG baseada em evidências, que fornece classificações de fornecedores nas áreas de meio ambiente, trabalho e direitos humanos, ética e compras sustentáveis”, conta Beth. Esta medalha de ouro coloca a NetApp no ranking dos top 5% de todas as empresas avaliadas pela EcoVadis.

Além dos sistemas de TI, a NetApp também está comprometida em desenvolver soluções para gerenciar o impacto ambiental das operações comerciais. Em seu próprio negócio, a empresa trabalha para limitar seu impacto direto, reduzindo a utilização de recursos e o desperdício nos data centers e escritórios – sua principal fonte de emissões de gases com efeito de estufa (GEE) de âmbito 1 (emissões diretas) e âmbito 2 (emissões indiretas, provenientes do consumo de recursos).  

“Em 2023, nossa sede internacional em Cork, na Irlanda, recebeu a certificação LEED Platinum e nossas instalações em Wichita (EUA) funcionam 100% com energia eólica, além de apresentarem paisagens resistentes à seca, sistemas de captação de chuva e guarda-sóis automáticos. Nosso campus em Bangalore (Índia) usa uma combinação de geradores eólicos, miniusinas hidrelétricas e usinas solares locais para obter quase 90% de energia renovável”, completa a executiva.

O relatório de ESG aponta que a empresa já reduziu suas emissões de escopo 1 e 2 em 31% em relação à sua linha de base, com expectativa de cumprir sua meta de redução de emissões de escopo 3 (indiretas, provenientes da cadeia de valor) até 2030.

As emissões de escopo 3 representam mais de 90% do inventário total de emissões da empresa. “Compreendemos que a redução das emissões associadas a toda a nossa cadeia de valor é de importância crítica e estamos trabalhando com fornecedores e clientes para reduzir essas emissões, mitigar o nosso impacto global e atingir a nossa meta de âmbito 3”, explica Beth. No ano fiscal de 2023, a empresa lançou uma iniciativa de envolvimento de fornecedores para medir suas emissões de escopo 3 e atingir reduções com mais precisão.

O compromisso da NetApp com a diversidade e a equidade decorre de seus valores fundamentais, estratégia de negócios e crença na igualdade de oportunidades para todos. A empresa acredita que equipes diversas em pensamento e experiência refletem melhor os clientes e as comunidades que atendem, além de serem mais fortes, inovadoras, e terem melhor desempenho.

Depois de contratar seu primeiro Diretor de Diversidade no início deste ano, a companhia expandiu e renovou seus Grupos Empresariais de Recursos de Funcionários; fortaleceu parcerias de talento, diversidade, equidade, inclusão e pertencimento; ganhou vários prêmios de local de trabalho e diversidade, como o Glassdoor Best Places to Work de 2023; e conquistou um lugar no Disability Equality Index(Índice de Igualdade para Deficiência de 2023), uma iniciativa da Associação Americana de Pessoas com Deficiência que cria um ranking e benchmarking de empresas com ações mensuráveis e tangíveis para a inclusão de PCDs.

Servindo continuamente comunidades locais e globais onde atua, o Data Explorers, programa exclusivo de impacto social da NetApp se concentra na lacuna de competências em dados, já beneficiou, até hoje, mais de 75.000 alunos do ensino fundamental e médio em todo o mundo.

Protegendo dados, mas de forma sustentável

Os clientes confiam à NetApp seu bem mais valioso: seus dados. Utilizando a mesma abordagem extensiva à privacidade e segurança de dados que implementam em suas próprias operações, protegem cuidadosamente os ativos de seus clientes e ganham sua confiança. A empresa conduz auditorias rigorosas por terceiros independentes e credenciados para confirmar que seus produtos e serviços atendem aos padrões mais exigentes do setor.

A NetApp continua inovando, ajudando a transformando um mundo disruptivo em oportunidades para todos os clientes, auxiliando-os a terem sucesso e a tornarem o futuro melhor. “Sabemos que este trabalho não está concluído. Ao apostarmos na inovação, continuaremos a reduzir o nosso impacto ambiental coletivo e a impulsionar mudanças positivas através do nosso portfólio em 2024 e além”, finaliza Beth O’Callahan.

Confira o relatório ESG da NetApp.

Leia Mais

Outras Notícias