sexta-feira, julho 12, 2024

Basf discute impacto das habilidades e carreira profissional sustentáveis

Compartilhar

Com o mercado de trabalho cada vez mais dinâmico, onde as soft skills e hard skills estão cada vez mais populares, emergem outras habilidades: as green skills, para quem busca impulsionar sua carreira e gerar impacto positivo no planeta. Pensando nisso, o Centro de Experiências Científicas e Digitais da BASF, onono, realizará mais uma edição do onono Talks, no dia 2 de julho, às 9h.

Green skills são habilidades que englobam conhecimentos e práticas relacionadas à preservação ambiental, eficiência energética e uso de recursos renováveis. Elas abrem portas para oportunidades de emprego em setores diversos, desde o tecnológico até o industrial. Mesmo em meio à desaceleração global das contratações, LinkedIn divulgou uma pesquisa mostrando que oportunidades de emprego que exigem green skills aumentaram em média 15,2%. No Brasil, a demanda por esses profissionais mais que dobrou em 2023.

Durante a agenda, profissionais se reunirão para explorar como essas capacidades têm o potencial de transformar as indústrias e empresas, refletindo o posicionamento do onono® em bioeconomia por meio de práticas sustentáveis e inovadoras. “Criamos este encontro para ampliar o conhecimento sobre as green skills e seu papel na construção de um futuro mais sustentável. É uma oportunidade única de aprender com os profissionais da área, de conectar ideias e práticas que fazem a diferença,” explica Ornella Nitardi, Head de Inovação Aberta e Ecossistemas Digitais na BASF.

O encontro contará com a participação de especialistas do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), como Nathália Ramalho e Carlos Coelho, que trarão insights sobre a profissionalização nessas habilidades e seu impacto nas indústrias, e Julio Espírito Santo, Head do Instituto SENAI de Inovação e Biotecnologia, que compartilhará suas perspectivas sobre inovação e sustentabilidade. Além de profissionais da BASF, como Paula Pontes e Delfina Terzaghi, que compartilharão suas experiências e visões sobre como as green skills impactam nas práticas industriais e promovem uma economia mais verde.

Na BASF isso já é uma realidade. Para Aline Mazetti, consultora de sustentabilidade na BASF, as green skills são essenciais para impulsionar a transição para a economia verde (circular, baixo carbono e justa para todos). Os profissionais de todas as áreas devem desenvolver essas habilidades para viabilizar a inovação e transformação sustentável de todas as estruturas das empresas. “Não é apenas uma questão moral viabilizar o desenvolvimento sustentável que atende às demandas do presente sem comprometer as gerações futuras, mas de garantir a própria sobrevivência dos negócios. Existe uma pressão muito grande do mercado, de investidores, reguladores, clientes e fornecedores para que as empresas adotem práticas sustentáveis mais ambiciosas, e aquelas que não se adaptarem à essas demandas, terão dificuldades para sobreviver e prosperar”, comenta a executiva.

Leia Mais

Outras Notícias