sexta-feira, julho 12, 2024

MDIC reúne dados de comércio e serviços dos países do G20 em site

Compartilhar

Com 87% do PIB e 80% da população mundial, os países que compõem o G20 têm um fluxo de exportações de bens e serviço da ordem de US$ 22 trilhões, sendo que 70% das trocas são feitas entre os próprios membros do bloco.

O detalhamento desse comércio intenso e interdependente do Grupo, que neste ano é presidido pelo Brasil, agora pode ser consultado na página Especial G20, elaborada pela Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (Secex/MDIC) e disponibilizada também na ferramenta ComexVis.

A seção mostra que entre os principais produtos comercializados pelos membros do G20 estão, entre as manufaturas, os veículos automotivos, eletrônicos e maquinaria industrial; entre os produtos agrícolas, os cereais, carne e frutas; e, entre as commodities, o petróleo, gás natural, minérios e metais.

Já o comércio de serviços é concentrado na classificação “outros serviços empresariais”, agrupamento que contém, por exemplo, atividades relacionadas a pesquisa e desenvolvimento, consultoria, engenharia e arquitetura. Destacam-se também serviços financeiros, de tecnologia da informação, transportes, turismo e seguros.

É possível observar, ainda, que 77% das exportações e 84% das importações brasileiras de bens são com os países do G20. Quanto ao fluxo de serviços, essa relação é de 78% e 84%, respectivamente.

Com a página, o MDIC busca apresentar os principais dados de comércio de forma intuitiva, com gráficos responsivos e destaques para informações relevantes, como:

Grandes agregados de comércio

Evolução de exportações e importações

Evolução dos rankings de países

Quem são os parceiros comerciais e visão geral dos fluxos bilaterais

Principais bens e serviços comercializados

Leia Mais

Outras Notícias