sexta-feira, julho 12, 2024

ABRE integra o QR Code Padrão GS1 na plataforma Lupinha

Compartilhar

A Associação Brasileira de Embalagem (ABRE) coloca à disposição do público a plataforma online Lupinha para que as marcas de produtos nacionais informem a seus consumidores como fazer o descarte correto de embalagens pós-consumo. A ABRE se apoiou no conhecimento dos catadores e cooperativas para construir as instruções em parceria com as marcas com orientação das melhores práticas de descarte aos consumidores.

A iniciativa permite que as marcas cadastrem na plataforma perfis de cada tipo de produto para disponibilizar informações relevantes. O meio de acesso a essas informações é muito simples, por meio do QR Code Padrão GS1 gerado na plataforma Lupinha. O código é impresso na embalagem e de fácil leitura. O projeto surgiu com o objetivo de fornecer à população informações detalhadas sobre produtos e incentivar o descarte consciente, o que promove a economia circular no país. O sucesso da iniciativa gerou mais funcionalidades.

Indústria começa a imprimir a Lupinha e o QR Code Padrão GS1 nas embalagens

Isabella Cavinato Salibe, gerente de Projetos Especiais da ABRE, destaca que o projeto Lupinha começou com a finalidade de ensinar aos consumidores como cuidar das embalagens e realizar o descarte correto, otimizando o trabalho das cooperativas de reciclagem. “Percebemos a possibilidade de ampliar as informações dentro da plataforma,” explica Isabella. Como, por exemplo, oferecer ao público outras informações sobre a composição do produto, teor nutricional, alertas sobre alergênicos e tornar a plataforma mais acessível. Isso ampliou a utilidade das embalagens”, completa.

Salibe explica que ainda nos dias de hoje, em muitos casos, o consumidor não tem facilmente as informações sobre a reciclagem de materiais e os procedimentos para isso. Por isso, o Lupinha busca ampliar essa divulgação por meio das embalagens, além de unir fabricantes e consumidores num só objetivo. “Ou seja, ao incentivar o fabricante a informar mais, a iniciativa oferece maior conscientização da população sobre a responsabilidade do descarte adequado – lavados e sem resíduos de alimentos, levados aos locais de coleta seletiva, por exemplo.”

“A parceria com a GS1 Brasil permitiu também o entendimento da oportunidade das embalagens já nascerem com QR Codes padronizados, pois será ele será a substituto do código de barras tradicional de produtos que também serão lidos pelos pontos de venda nos varejos.”

Adesão

Uma das empresas que abraçou essa iniciativa com entusiasmo é a Phisalia, que vê no Lupinha uma oportunidade não apenas de informar, mas também de conscientizar a população – especialmente as crianças – sobre a importância da reciclagem correta. Segundo Luciana Amiralian, diretora da Phisalia, “esse projeto vem ao encontro dos objetivos de sustentabilidade e conceitos de ESG que orientam nossas estratégias”. Os produtos da Phisalia com a integração da Lupinha já disponíveis no mercado.

Leia Mais

Outras Notícias