quarta-feira, maio 22, 2024

Em parceria com a Comerc Energia, Uliving adota fonte renovável nas suas unidades e reduz emissão de 60 toneladas de carbono

Compartilhar

Pioneira no conceito de student housing no Brasil, a Uliving busca cada vez mais adotar práticas sustentáveis em seus empreendimentos. Por isso, a empresa se uniu à Comerc Energia, plataforma de soluções energéticas renováveis, com o objetivo de realizar a migração das suas principais moradias universitárias para o Mercado Livre de Energia. Com o movimento, a companhia já deixou de emitir 60 toneladas de carbono na atmosfera, o equivalente à capacidade de absorção de CO2 de 418 árvores.

A parceria teve início em 2022 e atualmente abastece 100% do consumo das unidades Paulista, Jardins, Pinheiros, Santos e Rio de Janeiro. Desde então, a organização registrou, somente entre agosto de 2023 e janeiro de 2024, uma economia de R$ 104 mil em relação aos custos que teria fora do Ambiente de Contratação Livre (ACL) – valor equivalente a cerca de 12% de sua conta de luz. Com planos de acrescentar pelo menos mais uma moradia ao acordo ainda este ano, a previsão é de que a redução desse gasto chegue a R$ 14 mil (ou 11%) por mês e R$ 16 mil (ou 13%) conforme todas as etapas de transição forem concluídas.

Essa movimentação faz parte da estratégia da empresa de mitigar impactos ambientais. Além das colaborações, a companhia incentiva tanto os estudantes residentes quanto os gestores de cada empreendimento a desenvolverem iniciativas de conservação de recursos naturais e engajamento comunitário.

“A sustentabilidade sempre foi um dos pilares do nosso negócio, justamente porque nossa gestão, assim como grande parte do público que atendemos, são compostos por gerações mais exigentes quanto à agenda ESG (Ambiental, Social e Governança)”, diz Ewerton Camarano, CEO da Uliving. “Nossa missão é criar ambientes de convivência coletiva que potencializam o desenvolvimento dos jovens universitários e futuros pensadores, criadores, profissionais, decisores, intelectuais e líderes. Descarbonizar nossas operações é uma ação totalmente alinhada à nossa estratégia e reforça nossa aposta no futuro das novas gerações”, completa.

Mercado Livre de Energia

Em janeiro de 2024, ocorreu a abertura do Mercado Livre de Energia para todos os consumidores do Grupo A – empresas que consomem energia em média e alta tensão –, possibilitando a migração de unidades que possuem uma demanda contratada inferior a 500kW. Portanto, a Uliving antecipou-se a essa decisão quando se juntou ao grupo de soluções renováveis em 2022.

“É muito gratificante ver uma marca de mentalidade sustentável como a Uliving dando a devida importância para os benefícios dessa migração”, destaca Pedro Kurbhi, Vice-Presidente Comercial e de Marketing da Comerc Energia. “Mesmo que individualmente suas unidades não estivessem elegíveis para o mercado, a companhia já nos procurou para criar o volume necessário para sua entrada, operação que contribui com o nosso objetivo de descarbonizar todos os tipos de segmento”, finaliza.

Leia Mais

Outras Notícias