sexta-feira, maio 17, 2024

Em Nairobi, Guterres destaca potencial africano na transição energética

Compartilhar

Na Conferência da Sociedade Civil da ONU em Nairóbi, secretário-geral da ONU enfatizou potencial do continente para se tornar um centro global de energia renovável; ele alertou sobre desafios climáticos, destacando a importância do financiamento e da eliminação de combustíveis fósseis; chefe das Nações Unidas abordou ainda crises humanitárias em Gaza e Sudão.

Em Nairóbi, Quênia, o secretário-geral da ONU, António Guterres, participou na Conferência da Sociedade Civil da ONU nesta sexta-feira. Ele ressaltou que, apesar dos desafios das alterações climáticas na África, o continente tem potencial para se tornar um polo global de energia renovável, se devidamente capacitado.

Em coletiva de imprensa, o chefe da ONU destacou os inúmeros desastres climáticos que o mundo enfrenta e como diversos países africanos são afetados. Nesta semana, diversas áreas do leste do continente sofreram com inundações.

Potencial para energia renovável

Guterres aponta que a África tem 30% das reservas de minerais necessárias para a energia renovável e 60% dos recursos solares. Mas, nas últimas décadas, recebeu apenas 2% do investimento em energias renováveis.

Ele enfatizou que o Painel da ONU sobre Minerais Críticos para a Transição Energética deve criar regulamentações voluntárias, visando permitir que os países em desenvolvimento usufruam dos recursos minerais de maneira benéfica.

O secretário-geral da ONU pediu aos países desenvolvidos que cumpram seus compromissos de financiamento climático, incluindo ajudar os países a se prepararem para impactos climáticos severos, e aos governos africanos que apoiem os esforços para eliminar os combustíveis fósseis. As informações são da Agência ONU.

Leia Mais

Outras Notícias