sábado, maio 25, 2024

FirstLab e Kasvi aderem ao selo eureciclo para logística reversa de embalagens

Compartilhar

A fim de destinar embalagens para a reciclagem, a FirstLab e a Kasvi, pertencentes ao Grupo Bio, que tem o objetivo de contribuir para a melhoria da saúde no Brasil, aderiram ao selo eureciclo, negócio de impacto socioambiental que, junto com as empresas e a sociedade, transforma a cadeia de reciclagem e a vida das pessoas. Com esta parceria, as empresas estão investindo na recuperação de materiais comercializados, contribuindo com a estruturação do setor de reciclagem e seus trabalhadores.

Para ter o selo eureciclo, as empresas precisam destinar os recursos para serem usados na cadeia de reciclagem e cumprir as metas de logística reversa de embalagens em geral. Com isso, a Kasvi e a FirstLab devem adquirir uma quantidade de Certificados de Reciclagem que seja equivalente, no mínimo, a 22% da massa total das embalagens que foram colocadas no mercado por elas, de acordo com a Política Nacional de Resíduos Sólidos e Logística Reversa de Embalagens, criada em 2010. Esses certificados comprovam que uma determinada massa de embalagens dentro dos grandes grupos, como papel, plástico, vidro ou metal, foi direcionada à reciclagem pelos operadores desse processo.

400 toneladas já foram recuperadas

Entre os anos de 2018 e 2022, a FirstLab, fabricante brasileira de produtos para laboratórios, garantiu a reciclagem de 22% da massa total de embalagens de plástico e papelão pós-consumo, o que equivale a mais de 215 toneladas. Já a Kasvi, empresa brasileira dedicada a oferecer as melhores soluções para pesquisa, ciência, diagnósticos, estudos e novas descobertas, no mesmo período, garantiu mais de 197 toneladas de embalagens de plástico, papelão e vidro.

“O selo é a forma de comunicar para nossos consumidores que somos uma empresa sustentável e que estamos comprometidos em diminuir o impacto causado pela geração de resíduos no país, através da reciclagem das embalagens colocadas no mercado. Ao carregar o sorriso do eureciclo, estamos promovendo reciclagem com responsabilidade social, através do trabalho realizado em toda a cadeia de reciclagem. É muito gratificante saber que estamos contribuindo para que o setor aumente seu potencial e que com este trabalho as taxas de reciclagem no país possam ser elevadas”, afirma Moara Pereira da Silva, coordenadora de ESG do Grupo Bio.

A iniciativa do selo eureciclo inclui as empresas na economia circular e promove sustentabilidade, incentivando, cada vez mais, práticas sustentáveis e menos descartes de embalagens no meio ambiente, que podem demorar séculos para se decomporem. “A ideia é não parar por aqui, agora no mês de maio temos o compromisso de enviar as informações referentes às quantidades de embalagens colocadas no mercado em 2023 por essas duas empresas, para garantirmos essas compensações e dessa mesma forma seguiremos para os próximos anos”, complementa Moara.

Leia Mais

Outras Notícias