sexta-feira, maio 17, 2024

Inscrições para o Programa de Aceleração Eletrobras são prorrogadas

Compartilhar

A Eletrobras prorrogou o prazo de inscrições para o programa de aceleração de ONGs, uma iniciativa gratuita voltada para organizações da sociedade civil de seis estados (Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rondônia, Rio de Janeiro e São Paulo) que atuam nas áreas de empoderamento feminino, educação e geração de renda. O programa busca fortalecer e ampliar o impacto social das organizações participantes por meio de capacitação, mentoria e conexões. Agora, as inscrições serão recebidas até o dia 16 de abril de 2024.

Durante oito meses, os participantes selecionados terão a oportunidade de vivenciar uma jornada transformadora em um ambiente virtual e ao vivo, com troca de experiências e aprendizado. O objetivo é apoiar as ONGs no acesso à educação e emprego, com redução das desigualdades locais, além de impulsionar o desenvolvimento sustentável.

A execução do programa será realizada pela Phomenta, um negócio de impacto que promove conexões com empreendedores sociais, trazendo educação em gestão e inovação para enfrentar os desafios complexos da sociedade. As organizações participantes terão acesso a assessorias individuais para auxiliar na superação dos desafios enfrentados no dia a dia. Além disso, serão capacitadas em temas fundamentais de gestão, como obtenção de recursos e gerenciamento de pessoas e voluntários.

Pré-requisitos para Inscrição:

As organizações interessadas em participar do programa devem se inscrever até o dia 16/04/2024, no site www.phomenta.com.br/aceleracaoeletrobras. Ao todo serão 30 projetos selecionados. Para participar do processo seletivo, é preciso atender aos seguintes pré-requisitos:

Ter faturamento anual de até 1 milhão de reais.

Comprovar atuação mínima de 2 anos na área de atuação.

Foco nas causas de empoderamento feminino, geração de renda e/ou educação.

Realizar atendimentos majoritariamente nos municípios de atuação (são 111 municípios localizados em Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rondônia, Rio de Janeiro e São Paulo), reforçando o propósito de impactar positivamente as comunidades locais.

Leia Mais

Outras Notícias