quarta-feira, maio 22, 2024

Renault do Brasil e Associação Borda Viva iniciam vendas da Kardian Collection

Compartilhar

A Renault do Brasil e a Associação Borda Viva, projeto social apoiado pelo Instituto Renault, iniciaram oficialmente as vendas da Kardian Collection, durante uma festa RENAULUTION, em São Paulo. Trata-se de uma coleção exclusiva, com produtos desenhados pela time do Renault Design Center Latam (RDCL), produzida pela Casa da Costura, uma das fontes de renda da Associação Borda Viva, que reutiliza materiais automotivos da própria Kardian unindo sustentabilidade e alto design , incorporados aos propósitos da Renault.

Os produtos da Kardian Collection, que inicialmente foram disponibilizados em ações especiais da marca, agora estão à venda no site da Associação Borda Viva ( www.associacaobordaviva.com ) e, também, nas entregas Renault.

“A Kardian Collection traz a assinatura de design do Renault Kardian nos itens e elementos que representam a nova identidade visual da marca”, explica Daniel Nozaki, diretor de design do Renault Design Center Latam.

A coleção é composta por seis itens com design totalmente exclusivo: mochila, bolsa de ombro, necessaire, bolsa raquete, caixa organizadora para porta-malas ou transporte PET e ecobag. Todos os itens são inspirados nas linhas do Renault Kardian e utilizam o cor Orange Energy, escolhido para o lançamento do veículo. Os produtos foram confeccionados reutilizando material do tecido MYLA do banco do próprio Kardian, doado pelo fornecedor SAGE, por meio de ativação da cadeia de valor da Renault do Brasil.

“A Coleção Kardian já trouxe conquistas importantes para a Casa de Costura da Associação Borda Viva. Os pedidos iniciais da coleção já geraram mais de R$ 237 mil de renda para os projetos sociais que combinam empreendedorismo social, economia circular e design em um modelo de negócio sustentável”, explica Rose dos Santos, diretora presidente da Associação Borda Viva.

Ações ESG em destaque no evento

Os convidados para a festa de lançamento do Kardian também puderam conhecer as ações ESG da Renault do Brasil e do Instituto Renault em um estande sustentável montado no local do evento. Os conceitos ESG estão no centro da construção da estratégia de negócio da Renault do Brasil e por isso, as ações ESG realizadas pela marca e rede de concessionárias foram o tema central do estande do Instituto Renault do evento.

Adotando um design sustentável, o espaço foi construído a partir do reaproveitamento de materiais, como ripas de madeira de reflorestamento, tintas à base de água e aplicação de cultivo vivo, com plantio em um viveiro de plantas após o uso. Além disso, objetos do universo automotivo foram ressignificados para compor a cenografia do estande, como cintos de segurança, rodas de carros, bancos, pneus, entre outros itens.

Os visitantes puderam conhecer os principais resultados das ações ESG e entender como eles se conectam aos ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU). Como exemplos, os programas de educação Geração Futuro Jovens Talentos e Geração Futuro Profissionalizante, que são direcionados diretamente para o ODS 4 (Educação de Qualidade), por meio de cursos para pessoas em vulnerabilidade social na comunidade Borda do Campo.

Juntos, ambos os projetos já formaram 496 pessoas em 13 turmas desde 2019. Na área ambiental, destaca-se a autoprodução de energia limpa e renovável de origem fotovoltaica, anunciada pela montada em julho de 2023, que fornece 100% da energia elétrica da Renault do Brasil, contribuindo para o ODS 13 (Ação contra a mudança global do clima).

“Os projetos que apresentam no estande ESG são apenas alguns exemplos das inúmeras ações da agenda social e de sustentabilidade da Renault do Brasil, uma empresa humana, calorosa, inovadora e responsável”, explica Caique Ferreira, vice-presidente do Instituto Renault.

As iniciativas de inclusão e segurança desenvolvidas pelo Instituto Renault foram representadas com a exposição e comercialização dos produtos da Kardian Collection, produzida pela Associação Borda Viva, negócio social que já reaproveitou mais de 12 toneladas de material automotivo desde 2015, e os jogos digitais e Interativos do projeto “O trânsito e eu”, programa de educação para segurança no trânsito, pelo qual mais de 270 mil crianças já foram impactadas.

Leia Mais

Outras Notícias